Se quiser receber as postagens por email, assine aí!

15 de março de 2010

A ARTE É O COLORIDO DA VIDA

Quadro chinês - Museu de Xangai

SIGA AS INSTRUÇÕES E VERÁ UMA MARAVILHA.

Vá com calma e passeie ao longo quadro.

Desloque o cursor de um lado para o outro.

Logo que apareçerem os quadrados brancos clique neles. São três.

Podem parar um pouco, mas aguarde.

É um quadro chinês muito célebre.

As pessoas fazem fila de horas no Museu de Xangai para apreciá-lo.

O quadro foi pintado cerca de 1085-1145, durante a dinastia da "Canção do Norte".

Foi repintado durante a dinastia Qing. Mede 5,28m de comprimento e 24,8cm de altura.

É considerado um dos grandes tesouros da China e foi exposto no Museu de Arte de Hong-Kong no ano passado.

CLIQUE

http://www.npm.gov.tw/exh96/orientation/flash_4/index.html


A dinastia Qing (Manchu: daicing gurun; pinyin: qīng cháo; Wade-Giles: ch'ing ch'ao), por vezes conhecida como a dinastia Manchu, foi fundada pelo clã Manchu Aisin Gioro.
Esta dinastia começou quando os manchus invadiram o norte da China em 1644 e derrotaram a dinastia Ming. Desta região, os manchus expandiram a dinastia para a China propriamente dita e os territórios circundantes da Ásia central, estabelecendo o Império do grande Qing (pinyin: dàqīng dìguó).
A Qing foi a última dinastia imperial da China; os seus imperadores ocuparam a sua capital entre 1644 e 1912, quando, no seguimento da revolução de 1911, uma nova República da China foi estabelecida e o último imperador da China, Puyi, abdicou.
Fonte : amiga RED e wikipédia

Nenhum comentário: