Se quiser receber as postagens por email, assine aí!

21 de dezembro de 2012

Já que o mundo não acabou, darei um gelo em vocês


O gelo que darei é este acima. É a foto macro de um floco de neve.

Sei que nada tem a ver com o natal do Brasil, até porque o Senegal é aqui, não é mesmo? Um calor impossível em Santos hoje, por isso mesmo resolvi botar um gelo como símbolo das festas.

Desejo muito gelo no seu balde com champanhe, na sua caipiroska, na sua cerveja ou no seu guaraná / coca-cola /suco se você não bebe.

Desejo que você gele a pessoas que te fazem mal, que congele para sempre seu medo de se aventurar e resfrie a cabeça nos feriados.

Que seu amor nunca esfrie e que seu natal seja repleto de alegrias, amigos, beijos, carinhos e felicidade.

Postagens novas só ano que vem.

Ficarei com saudades!

Feliz 2013!!

20 de dezembro de 2012

Todo mundo quer um pedaço de você.


Talvez este texto não seja sobre você, mas é sobre mim e sobre muitas pessoas que conheço.

Você já notou quantas concessões faz em nome dos outros?

Quantas vezes as pessoas querem algo de você?

Algo não, pior, querem você. Um pedaço do seu tempo, da sua vida, da sua atenção... de você.

Vou dar os meus exemplos :

- Vou no casamento da manicure que conheço apenas a 2 meses, em pleno sábado de sol, em um local pequeno, apertado e quente só porque ela vai ficar feliz por isso;

- Dou o maior bife para qualquer um de casa ( amo carne );

- Faço pizza de frigideira e como por último;

- Se alguém me pede algo eu paro de comer/ler/ver TV para ir fazer;

- Atendo ao telefone mesmo estando comendo/dormindo/cansada e presto atenção;

- Largo meus compromissos pessoais para me adequar ao de outras pessoas;

- Fico sem fazer unha no natal e ano novo porque terei que cozinhar;

- Compro todos os presentes de natal e quase nunca ganho algum, ainda divido o crédito de ter escolhido;

- Planejo sozinha o ano-novo e executo ( compras, bebidas, convidados e comida );

- Se tem algo chato ou trabalhoso ou que leva tempo para executar, eu me proponho a fazer por achar que tendo maior conhecimento daquele problema, farei mais rápido e não trarei transtornos á aquela pessoa, pois eu já passei por aquilo e saberei lidar melhor com o problema.

E poderia ficar o dia todo listando coisas, mas quero deixar claro que não tenho pena de mim, não quero ser super heroína e nem quero crédito pelo que faço, já que eu fiz porque eu quis.

O problema é que me dei conta que eu não estou fazendo O QUE EU QUERO.

As pessoas se acostumam com esta situação " a Maela resolve" e o que eu faço por achar que é a melhor forma, vira parte do meu compromisso com estas pessoas, ou seja, antes era " você poderia por favor fazer pipoca para mim?" e vira " cadê a pipoca? o filme vai começar!!" ou simplesmente "mãe, pipoca!".

Eu faço as compras de casa. Mas deixo dinheiro para qualquer pessoa ir buscar o que precisa no mercado em frente de casa. Quando eu chego, meus filho me diz "você trouxe pão? Acabou desde ontem!"

TEM 2 PADARIAS AO LADO DE CASA e 3 mercados! Mas eu tenho que ir.... porque eu sempre vou....

Outro dia resolvi fazer o que eu queria. Fui taxada de egoísta.

Já que eu tenho tempo para ler, tenho tempo para correr, tenho tempo para joguinho no iphone, séries de TV, blog e amigas, porque eu iria querer fazer MAIS outra coisa??

E foi assim que eu caí nesta reflexão.

Mas eu resolvi fazer o que eu queria.

E farei cada vez mais, delegarei cada vez mais e me importarei cada vez menos com estas banalidades.

Pois a culpa de eu estar neste embolo todo é minha e como sempre eu fiz, RESOLVEREI.

19 de dezembro de 2012

Owwwwn

Momento owwwn do dia!



Quase 15 anos e ainda me achando gostosa e linda.

Está aí homem que não enjoa do que gosta.

Te amo Bob!


18 de dezembro de 2012

Usar bicicletas de graça em Santos



Eu já havia visto em Sampa este projeto, mas lá é financiado pelo Itaú.

Aqui em Santos inaugurado dia 25/11, o projeto já conta com 17 estações e 140 bicicletas.

A projeção é em janeiro já tenham 29 estações, totalizando 260 bicicletas.

EU USEI.

Funciona assim, você se cadastra no site , tem que ter celular, cpf e cartão de crédito e custa R$10,00.

Depois do cadastro feito, munido de celular, você vai até a estação mais próxima, escolhe a bike, e acessa via ligação local ( 4062 9211) ou via aplicativo ( gratuito, tem para Iphone e para Android ) o site. Digita a estação e a bike escolhida e ela destrava, ficando disponível para seu uso durante 30 minutos.


Depois de 30 minutos você pode devolvê-la em qualquer estação, depois de 15 minutos você pode pegar outra ( ou a mesma ) bike. Caso você resolva ficar com a bike mais de 30 minutos vai pagar R$5,00 cada meia hora.

O aplicativo também ajuda a achar a estação mais próxima e quantas bicicletas e vagas para devolução estão disponíveis. Sendo que, se não tiver como devolver porque todos os espaços estão tomados é só ligar na central de atendimento, que eles vão te orientar e abonar seu tempo.

A bike é ótima, banco muito confortável, com 3 marchas ( Shimano ), regulagem fácil e prática de altura de banco e ainda tem uma cestinha para você carregar seus pertences.

Achei o tempo justo, pois como tem muitas estações dá para passear 30 minutos, tomar uma água de coco pegar outra bike e voltar para casa.

Eu adorei!!!

17 de dezembro de 2012

BI-MUNDIAL INVICTO


Eu suei, gritei, acordei meus filhos, sofri, assisti os últimos 30 minutos do jogo em pé e pulando, apesar da gripe.

Hoje estou feliz e tocando sem parar o Hino do Corinthians, Hino do Corinthians versão Gaviões da Fiel. Samba enredo da Gaviões da Fiel e o grito de guerra "Aqui tem um bando de loucos".

Amanhã volto com a programação normal.

PS ; nem adianta xingar meu blog, vocês vão ler, ouvir, e ver sobre os Corinthians pelo menos por mais 2 semanas em todos os veículos de comunicação.

14 de dezembro de 2012

Dica de sexxxxxxxx...ta-feira 64

Este produto me soou interessante.

Até porque, não é toda mulher que pesa apenas 40 quilos que tem um homem musculoso,  que consiga levantá-la assim, só no muque, te jogar na parede e te chamar de lagartixa.

Portanto contar com uma ajuda deste balanço ( ainda mais com a praticidade de colocá-lo na porta, sem furos, sem rebites, etc ), faria com que esta posição se torne viável para a maioria dos mortais.

Se interessou? Tem aqui.

13 de dezembro de 2012

Se alguém lhe oferecer flores...


A mãe da minha amiga liga para ela :

- Filha, você está esperando flores de alguém???

- Não que eu saiba, não briguei com ninguém..... 

- É que o porteiro me ligou, falando que tem um buquê de flores lá na portaria, e que só tem o nome Fernanda. E tem 2 Fernandas no prédio, ele queria saber se era para você, pois ele não conseguiu falar com a outra Fernanda.

- Mas não tem cartão mãe???

- Ahhh vou lá ver.

10 minutos depois a mãe retorna a ligação.


- Filha, espero que não seja para você.

- Que absurdo. Eu gostaria. Porque você pensa assim  mãe???

- Um arranjo cafona, umas flores xexelentas e não tem cartão, só um papel de caderno rasgado com o nome Fernanda escrito.

Pausa...


- Filha?

- É da outra Fernanda mesmo, porque se for para mim, vou fingir que não é!

10 de dezembro de 2012

Tem gosto de que?


E hoje, em plena segunda-feira eu resolvo fazer um risoto de bacon com ervilhas.

Sei que o Bob não é fã de ervilhas, mas resolvi arriscar.

Esperei ansiosa a primeira garfada dele e o comentários sobre o sabor.

Ele não diz nada.

Toma um gole do vinho.

E não diz nada....

Eu não me aguento :

- E aí???? Gostou???

- Ãaa?

- Do risoto ué, você não gosta de ervilhas, mas eu acho que com bacon fica maravilhoso.

- Não sei ainda...

- Como não sabe, você comeu....

- Eu queimei a linguá, só senti dor mesmo.

E põe a lingua toda pra fora, cheia de resto de risoto, avermelhado com vinho ( ou sangue, sei lá ).

Moral da história : gente coisa é outra fina.

PS : ele gostou do risoto.


6 de dezembro de 2012

De cara no portão


Gostou da foto do portão?

Imagina você ficar 2 horas vendo portões.

Sim, porque a casa você não vê.

E este portão é um dos mais abertinhos e baixos, pois os outros são bem mais altos e fechados.

Este o famosos tour pelas mansões das celebridades em Los Angeles.

Eles te vendem um pacote de 2 horas onde você fica fritando ( sim, faz um calor dos infernos em Los Angeles ) em um ônibus aberto em cima, que teoricamente é para você tirar fotos.

Eu de início já achei que seria um programa mico, mas, a gente só tinha este tempo para gastar ( se eu soubesse ficaria na piscina do hotel ).

Bem já falei do calor, do portão... e é isso. Por 2 horas, você fica rodando um dos bairros mais caro dos USA, onde um pentelho que dirige e fala no microfone o mesmo tempo ( vulgo guia ) fica dizendo :

"- Tão vendo esta casa? É da Júlia Roberts, ela fez os filmes tal, tal, lembram? E esta casa, é da Cristina Aguilera,ela canta esta música ...."

E ele cantava.

Não se pode parar em frente as casas, pois a polícia vem multar, então o guia fica instigando as pessoas, para elas acharem que irão fotografar uma celebridade... com o ônibus em movimento.

E os tontos tirando fotos, de um monte de portões,tentando ver algo mais.

Enfim,não é programa mico, é ORANGOTANGO.

Para não dizer só coisa ruim, esta operadora de turismo fica ao lado do teatro chinês, onde fica a calçada da fama.

E fui conferir a mão do Johnny Depp.


E Bob brincar de Travolta.


E quase me matou de vergonha, ao entrar na fila cheia de criancinhas, só para tirar foto com Darth Vader .


4 de dezembro de 2012

Dou 1 boi para não entrar numa briga e uma boiada para não sair dela


Nem sei se já falei sobre isso, mas é o que tem pra hoje...rs.

Tem gente que adora uma briga.

Eu evito.

Normalmente tenho uma tolerância elástica.

Me lembro de ter brigado ( de sair no braço mesmo ) uma vez na vida, e na verdade me defendendo da menina que me bateu.

Eu tinha 11 anos e somos amigas até hoje.

Não lembro o motivo da briga, mas acho que era na época da música "Sílvia" do Camisa de Vênus e ela tinha uma tia com este nome... eu acho.

Mas quando alguém pisa no meu calo repetidas vezes, ou enfia uma faca até o talo, eu sofro. Por algumas horas. Talvez uma noite insone e depois DELETO.

Não é como se ela morresse,pois morro de saudades de quem já se foi.

É como apagar mesmo. A pessoa some dos meus pensamentos, deixa de existir.

Não importa quantas memórias boas esta pessoa pode ter deixado na minha vida, não vou me lembrar mais disso.

Eu nunca chorei por ex-namorado ( acho que também porque fui eu quem terminei meus namoros ) e dependendo do motivo, se me chateou ao extremo... apago.

Agora estou passando por este processo novamente, de deletar alguém da minha vida.

As pessoas ficam preocupadas, me perguntam como esta pessoa pôde fazer isso, se estou sofrendo.

E ficam chocadas quando eu digo que não, pois o que eu tinha que me chatear foi quando eu descobri a maldade, mas agora, não me importo mais.

E que venha o processo.

Mas que vai ser uma briga boa isso vai!

Pois a única coisa que me segurava, que era o afeto, se esvaiu, do dia para noite e eu não sinto mais nada.

Nem raiva, nem pena.

3 de dezembro de 2012

Salve Simpatia


Bom humor é tudo na vida.

Vamos começar  a segunda vendo o exemplo do Djokovic, que resolveu imitar o Guga numa partida de tênnis.

Vale umas risadas.