Se quiser receber as postagens por email, assine aí!

28 de novembro de 2011

A DEUSA DO VINHO


Daí eu recebo um email do Bob :


"Casei me com uma deusa incontrolável e  desconfiada,  tal qual um tipo de vinho  com seu sabor maravilhoso  numa taça que não desejamos que termine nunca !
Bob "


Eu, no auge do meu romantismo, pergunto :

- Que porra é esta??? E porque desconfiada???

- O que?

- Este e-mail que você enviou...


- Porque? Não curtiu?

- Curti, mas você não escreveu isso.....

- Porque você acha isso? Eu também sei fazer poesia....

- Ô engenheiro, sua noção de poesia é progressão geométrica ou estatística aplicada, nem vem....

- Tá bem, eu copiei....

- Eu adorei!!!

- ???

- Sério, adorei, mesmo copiado.

- Bom, no "incontrolável e desconfiada" eu acertei, só faltou maluca e controladora!


Mas que não termine nunca....

Um comentário:

Michele P. disse...

kkkkkkkk

Vcs me matam!

Lindo e romântico. :)


Bjs