Se quiser receber as postagens por email, assine aí!

18 de julho de 2012

E nem é sexta ainda.... mas se depender deste livro....



Ando com dedo podre para escolher livros.

Os últimos 4 foram infelizes escolhas, ou medíocre e previsível ( tá... estou tendo que ler os livros dos meus filhos, pois temos que nos afinar nos assuntos, coisa de mãe ) e um que escolhi parecia um romance e era auto-ajuda disfarçado  ( odeio com todas minhas forças ).

E tenho um problema sério, o livro pode ser um lixo, mas eu me obrigo a ler até o fim, coisa patológica mesmo.

Aí resolvi pegar um erótico, pois fazia um tempo que eu não lia.


Como eu já disse aqui antes, eu gosto de literatura erótica.

Funciona muito bem para meu cérebro e libido e até já indiquei aqui um livro que gostei muito.


Fui ler  "Falsa Submissão".

Sinopse oficial :


Chicotes, roupas justas de vinil negro, um cachorro dinamarquês. O prazer bizarro do sadomasoquismo não fazia muito sentido para Nora Tibbs, jornalista de uma cidadezinha da Califórnia. Isto até o brutal assassinato da irmã. Obcecada pela idéia de encontrar o criminoso, Nora se deixa conduzir pelo misterioso M. por um mundo de jogos perversos, sem regras ou limites, descobrindo os desejos mais primitivos e sensações antes inimagináveis. Atraída pelo magnetismo excêntrico de M., ela só não desconfia que a morte acompanha seus passos e pode até estar ao seu lado, na cama. 
Suspense com altas doses do mais inusitado tipo de erotismo estão em Falsa Submissão, uma história perturbadora que marca a estréia literária da americana Laura Reese.


Foi até um desafio, porque masoquismo passa longe dos meus interesses, mas queria ver se tinha algo que funcionaria para mim.

Era para ser um suspense, já que envolve uma moça assassinada, um dominador culto e interessante ( provável assassino ) e uma irmã em busca de vingança, que resolve pesquisar o assassino através da cama dele.


Pense em alguém que passou raiva....... agora multiplique por 10 ( já que a imbecil aqui não larga livro inacabado..), pois é..... euzinha.

A "heróina" foi realmente mal composta.

Com comportamentos conflitantes, uma construção psicológica confusa, exageros que foram justificados por um aborto feito aos 17 anos ( grandes merdas ) , um mote fraco para justificar que ela aceite ( e goste ) do sexo bizarro,humilhante, patético e incluindo porcos e cães.

NÃO LEIA.

4 comentários:

Michele Pupo disse...

Tenho lido poesia erótica do Drummond. Gosto da sutileza metafórica.


Um beijo e boa quarta.

Anônimo disse...

keep calm and....qual o nome do livro erotico que voce recomenda?bj.

Patrícia Nunes disse...

eu tbm odeio livro de auto-ajuda...parece sem sentido...gosto de ler história, um filme se passa dentro da minha cabeça.
eu tbm não consigo não acabar de ler um livro

Maela disse...

Olá anônimo,

A dica do livro está aqui :
http://ogatodobalaio.blogspot.com.br/2012/01/dica-de-sexxxxxxxxta-feira-44.html