Se quiser receber as postagens por email, assine aí!

30 de maio de 2012

Vamos conversar?


E ela teria um encontro.

Estava com medo, porque quando ela fica nervosa, fala muito... muito mesmo, quase sem parar.

Ligou para a amiga....

- O que faço??

- Tente ouvir mais....

- E se ele ficar quieto?? Você sabe que eu não lido bem com isso, acho que não estou agradando e falo....

- Relaxe, pense antes de iniciar um assunto, tente deixar o outro falar mais.

E assim ela foi, pronta para ouvir.

Ela chegou no restaurante e logo sentiu a mão suada.... ele estava lá, lindo, esperando por ela.

Respirou fundo, sentou e sorriu.

Ele imediatamente começou a falar.

- Poxa como você demorou! Muito Trânsito? Então, eu cheguei rápido porque moro aqui perto. Sabe já escolhi o vinho e estou em dúvida do que vou pedir, mas a gente vê isso depois. Na hora do almoço sempre fica cheio aqui, é impressionante, um lugar até escondidinho não é mesmo? Você já conhecia o .... blá blá blá...

Ele continua a falar sem parar e nem ouvir respostas dos questionamentos feitos....

Nisso ela deixa a mente livre e começa a pensar

_ "Meu Deus, ele deve estar nervoso... deve ser assim que as pessoas se sentem comigo ..."

E foi assim a noite toda.

Sem beijos, sem carinhos, sem intimidade.

Apenas blá blá blá......

Mas ela aprendeu a ouvir.

E a lição durou longas 3 horas.

3 comentários:

Michele Pupo disse...

Já passei por isso. E é hilário. rsrs


Beijos

Maela disse...

deve ser tosco!

kkkk

Jussara disse...

Provou do próprio veneno.